Especialização em Direitos Humanos tem alto número de inscritos

Quase mil e oitocentas pessoas inscreveram-se para o processo seletivo da Especialização Lato Sensu Direitos Humanos e Contemporaneidade, promovida pela Faculdade de Direito da UFBA, no programa Universidade Aberta do Brasil e Superintendência do Ensino à Distância da UFBA (SEAD/UFBA). As candidatas e os candidatos disputam 225 vagas em cinco polos de ensino (UAB): Itaberaba, Salvador, Seabra, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista. 
Os Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de Especialização, regulamentados pela Resolução CNE nº 01 de junho de 2007, terão programação curricular desenvolvida em, no mínimo, 360 horas não estando computado o tempo reservado à elaboração individual de monografia ou Trabalho de Conclusão de Curso, condição sine qua non para a integralização do Curso. A Especialização Lato Sensu Direitos Humanos e Contemporaneidade destina-se a Docentes do ensino fundamental, médio e superior, profissionais do direito, gestoras (es) públicos, sujeitos de direito e ativistas/defensores de direitos humanos, portadores de diploma superior e possui carga horária de 442 horas. 
As seguintes disciplinas são dispostas em sua grade curricular: Fundamentos do Ensino à Distância, Introdução ao Direito, Direitos Humanos (I), Metodologia de Pesquisa, Raça, Gênero, Etnia e Direitos Humanos, Direitos Humanos (II), Direito dos Povos e Comunidades Tradicionais, Trabalho de Conclusão de Curso (TCC – I), Espaço Humano e o Espaço do Cidadão, Direitos Humanos (III), Direito Humanos e Sustentabilidade e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC – II). Para o coordenador-geral da Especialização, Professor Julio Cesar de Sá da Rocha,  “a grande procura da pós-graduação demonstra que estávamos certos em propor a especialização em direitos humanos e numa perspectiva crítica e interdisciplinar, explicitando o papel da Faculdade de Direito no oferecimento de cursos lato sensu para a comunidade jurídica e demais áreas do conhecimento”. Para Marcia Rangel, Superintendente da SEAD (Superintendência de Ensino à Distância) “a UFBA tem oferecido cursos de graduação e pós-graduação em diversas áreas, sendo que a Faculdade de Direito tem sido parceira com a Especialização em Estado e Direito dos Povos e Comunidades Tradicionais que está sendo finalizada em novembro próximo com a defesa pública das monografias dos (as) discentes”.
Por fim, o processo seletivo da Especialização vai ocorrer com base no cronograma estabelecido e todas as informações podem ser acessadas no site da Superintendência (www.sead.ufba.br).