OAB-BA E Faculdade de Direito da UFBa firmam acordo para criação de memorial da advocacia

A OAB-BA realizou na quinta-feira (6) o Colégio de Presidentes que encerrou a gestão 2016-2018. No encontro, foi anunciado um acordo de cooperação entre a Seccional e a Faculdade de Direito da UFBA para a criação de um memorial da advocacia, que funcionará na sede da OAB-BA e reunirá uma parte significativa dos registros históricos do Direito baiano.

O Colégio foi presidido pelo presidente seccional, Luiz Viana Queiroz, e contou com as presenças de presidentes das subseções, além da vice-presidente, Ana Patrícia Dantas Leão, do secretário-geral, Carlos Medauar, da tesoureira, Daniela Borges, do conselheiro federal Fabrício Castro e do diretor da Faculdade de Direito da UFBA, Júlio Rocha.

Luiz Viana lembrou que o imóvel onde funciona a OAB-BA foi construído para ser a Faculdade de Direito, o que aproxima ainda mais as instituições. "A Faculdade de Direito fez um belíssimo trabalho no seu arquivo e uma das razões da nossa cooperação é que a FDUFBA vai nos ajudar no levantamento e classificação do nosso arquivo, que é a história da advocacia", afirmou.

De acordo coim Julio Rocha, é muito importante que essa história seja preservada e esteja ao alcance das novas gerações. Ele relembrou que a Faculdade de Direito da UFBA nasceu em 1891 e é a terceira mais antiga do país. Ele ressaltou ainda o trabalho da arquivista Maria Solenar na organização do acervo e esteve presente no Colégio.

"Através dessa parceria com a OAB da Bahia, ressaltamos a importância da memória dos advogados e advogadas e isso é fundamental. Temos no nosso acervo, por exemplo, a ficha 001, do Dr. Medeiros Neto, que é o advogado nº 1 da Bahia", destacou o diretor da FDUFBA.

Noticia completa aqui.